O que fazer sozinha em São Paulo? – parte 2

Neste post trago mais uma dica do que fazer em São Paulo sozinha, caso esteja de passagem ou procurando o que fazer no final de semana, e é um passeio bem tranquilo.

Parque Jardim da Luz

Inaugurado em 1825, contando com mais de 100 mil m², esse parque jardim fica ao lado da Estação da Luz, grudadinho na Pinacoteca, a alguns passos da Rua José Paulino na região de Bom Retiro (comprinhasss).

Somente após uma reformar em 1825 é que foi aberto ao público, tornando-se assim o primeiro espaço público da capital e muito frequentado pela população na época, tanto pela beleza quanto por conter luz elétrica.

Figueira gigante em Parque Jardim da Luz

Minha impressão

Confesso que fui para este passeio – em um domingo – sem muitas expectativas e com plano B de visita para o caso de não gostar.

Havia desanimado de ir sozinha depois do tanto de críticas que li a respeito, da conservação, frequentadores etc, tanto pesquisando em sites de avaliações de locais turísticos quanto com pessoas que convivo.

Para minha surpresa eu gostei.

Sobre a má fama do parque, realmente houve um período em que ficou sem manutenção e acabou virando local de prostituição, tráfico de drogas entre outras atividades ilegais.

A consequência desse abandono, afastou o público durante anos, mas hoje o parque está recuperado e bem frequentado, com ótimo ambiente, valendo a pena ir com toda família.

Minha única decepção neste passeio, foi não conseguir fotografar também a estação da Luz, que é linda, mas ainda estava em reforma devido ao incêndio no Museu da Língua Portuguesa, que ficava no mesmo prédio e danificou parte da estação.

O Parque está muito bem cuidado, jardim limpo, vigiado, e com diversas obras, interagindo ou não com a natureza. Abaixo algumas obras.

Escultura
Arte interagindo com natureza, ao fundo a Pinacoteca

Espelhos d’água e lagos

Também tem os lagos (espelhos d’água) com muitos peixes e criando um ar mais leve e fresco, estava bem quente por sinal.

Algumas fontes de água ajudam a disfarçar o calor e claro bebedouros com água fresca para os frequentadores.

Lago Cruz de Malta
Legenda para o espelho d’água

É possível ver os peixes em uma espécie de aquário subterrâneo, esse aquário só foi descoberto em meados de 2000, você sabia?

Lago onde o aquário subterrâneo se localiza
Caminho para o aquário subterrâneo

Como em todo lugar da capital, pelo menos o que eu tenho percebido, tinha música, discreta e mais de raiz, dois violões e uma rodinha de pessoas.

É um parque mais tranquilo, muito verde, muita água, muita arte, famílias, namorados fazendo piquenique e senhores apenas sentados nos bancos.

Ah, também uma revistaria, era só chegar, escolher um exemplar e curtir uma leitura no parque.

Revistaria Pública – opções de revistas para leitura

Dica de roteiro para fazer em um dia em São Paulo

Dica de roteiro para um dia em São Paulo:

Pela manhã desça na estação da Luz, admire a beleza dela, ao sair vá para a esquerda;

Ande a Rua José Paulino e resista (ou não) às compras e depois;

Passe a tarde descansando nesse jardim que é um verdadeiro fôlego em meio aos tons de cinza da capital.

Valeu a pena? Valeu, pelas obras de arte e os jardins.
Voltaria? Para levar crianças em um passeio barato sim.
Volto lá agora para visitar (de novo) a Pinacoteca – que é grátis aos sábados – e a Estação da Luz reformada.

Como chegar

Endereço do Parque: Rua Ribeiro de Lima, s/n – Bairro Bom Retiro
Metrô: linhas 1-Azul e 4-Amarela
Trem CPTM: linhas 7-Rubi e 11-Coral
Diversas linhas de ônibus e também ciclofaixa passando em frente 😉

Quando ir

Visite o Parque Jardim da Luz de terça à domingo das 9h00 às 18h00, ou seja, fechado somente às segundas-feiras.

 

*Mais texto sobre São Paulo:*

O que fazer sozinha em São Paulo – Parte 1

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.